17 julho, 2014

Resenha: Garotas de Vidro - Laurie Halse Anderson


Título original: Wintergirls
Autor: Laurie Halse Anderson
Nº de Páginas: 272 (Novo Conceito)
Onde comprar? Aqui
Classificação: ♥♥♥ 
Sinopse: "Lia e Cassie são amigas há anos, ambas congeladas em seus corpos. No entanto, em uma manhã, Lia acorda com a notícia de que Cassie está morta, e as circunstâncias de sua morte ainda são um mistério. Não bastasse isso, Cassie tentara falar com Lia momentos antes, para pedir ajuda."






"Garotas de Vidro" foi um livro que me fez refletir profundamente sobre como as pessoas realmente se veem, como elas encaram a pressão do mundo para ter o "corpo perfeito", o "corpo ideal". A obra nos conta a história de Lia e de Cassie, duas melhores amigas que sofrem de bulimia e que, numa noite como qualquer outra, apostam para ver quem conseguiria ficar mais magra. E eles levam essa aposta muito a sério.





Com o tempo elas acabam se afastando, mas mesmo sem nenhum acordo explícito a competição permanece... até que algo acontece.

Cassie é encontrada sozinha num quarto de motel, morta. Para piorar, ela tentou ligar para Lia 33 vezes, que simplesmente resolveu ignorar.


Ao longo do livro, vemos que Lia está realmente determinada a ser a garota mais magra da escola. Ela já foi internada outras duas vezes por chegar ao chamado "peso de risco", por isso toda semana sua madrasta a pesa para saber se seu peso continua evoluindo. Porém, toda vez que ela come, se sente nojenta, feia, gorda e estúpida, então desenvolve métodos para burlar toda a pressão em cima de seu peso. No dia das pesagens, por exemplo, ela bota moedas no bolso do roupão para ganhar gramas a mais.

Outro tema abordado é a automutilação. Lia se sente bem fazendo isso, se sente bem matando a si mesma.

No meio de todo esse drama, acompanhamos diversos conflitos familiares, principalmente entre Lia e sua mãe, que é médica, e sua mãe e seu pai, que é um escritor.



Não quero falar muito sobre a história em si, então falarei da narrativa: por ser em primeira pessoa, entendemos todos os pensamentos de Lia, vemos ela "enlouquecer" aos poucos e isso acaba sendo um pouco forte. Em alguns momentos, tive que deixar o livro de lado só para dar uma respirada. Foi tão bem narrado que os problemas dela parecem meus...

... porém, isso atrapalhou um pouco também. Não temos a perspectiva de mais nenhum personagem, não sabemos como Lia é na escola, na vida... o que deixou tudo meio monótono e "vazio".

De qualquer forma, esse é um livro que indico muito. Não posso dizer que ri, porque não há quase nada de engraçado nele. O que posso afirmar é que é muito emocionante e creio que todos deveriam ler, seja só pelo prazer de mais uma história boa na estante/skoob/whatever, seja por se sentir como Cassie e Lia ou até por conhecer alguém que passa por problemas assim. Será de grande ajuda.

Separei a única quote que me arrancou um sorrizinho, daqueles tipo "awn! so cute!", sabe? haha




Espero que eu tenha conseguido deixar minha opinião bem clara e que vocês tenham gostado. Até a próxima!











© Devaneios Estrellares - 2014. Todos os direitos reservados.
Criado por: Design Divino.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo