19 julho, 2014

O que ler nas férias?


Carrie Diaries:
Os Diários de Carrie começa no último ano de Carrie do ensino médio. Ela e seus melhores amigos Walt, Lali, Maggie são inseparáveis. E então Sebastian Kydd entra em cena. Sebastian é um bad boy, intrigante e imprevisível. Carrie está em um relacionamento que ela sempre quis ter na escola, até que a traição de um amigo a faz questionar tudo. Com seus tempos de colégio chegando ao fim, Carrie vai perceber que chegou finalmente a hora de ir atrás de tudo o que ela sempre quis.

Os fãs de Carrie vão aprender sobre seus antecedentes familiares – como ela encontrou seu talento para a escrita, e a impressão que suas amizades e relacionamentos deixaram sobre ela.
Cartas de amor aos mortos:
Prestes a começar o ensino médio, Laurel decide mudar de escola para não ter que encarar as pessoas comentando sobre a morte de sua irmã mais velha, May. A rotina no novo colégio não está fácil, e, para completar, a professora de inglês passa uma tarefa nada usual: escrever uma carta para alguém que já morreu. Laurel começa a escrever em seu caderno várias mensagens para Kurt Cobain, Janis Joplin, Amy Winehouse, Elizabeth Bishop… sem nunca entregá-las à professora.

Nessas cartas, ela analisa a história de cada uma dessas personalidades e tenta desvendar os mistérios que envolvem suas mortes. Ao mesmo tempo, conta sua própria vida, como as amizades no novo colégio e seu primeiro amor: um garoto misterioso chamado Sky.
Mas Laurel não pode escapar de seu passado. Só quando ela escrever a verdade sobre o que se passou com ela e com a irmã é que poderá aceitar o que aconteceu e perdoar May e a si mesma. E só quando enxergar a irmã como realmente era - encantadora e incrível, mas imperfeita como qualquer um - é que poderá seguir em frente e descobrir seu próprio caminho.
Treze Relíquias:
Há mais de sete décadas treze crianças foram designadas para cuidar de artefatos antigos, dotados com um poder primitivo e letal. As relíquias, como foram chamadas, deveriam ser mantidas por seus guardiões em total segurança e afastadas umas das outras. Entretanto, agora um homem sinistro e sua amante estão atrás delas, roubando cada peça e eliminando seus protetores, deixando um rastro de crimes violentos. Aparentemente por acaso, a jovem Sarah Miller se envolverá nessa trama perigosa e terá que correr contra o tempo para elucidar os enigmas que rondam sua nova vida. Serão os guardiões seres de outro mundo? Qual será o segredo das relíquias milenares? Por que justamente Sarah foi atraída para esse jogo mortal? Uma história inquietante, povoada de lendas que até hoje rondam nosso imaginário, As treze relíquias mostra que há forças que nunca devem ser despertadas.
Namorados Imprestáveis:

Embalado por uma trilha sonora dos clássicos do pop anos 90 e ambientado nas ruas de Londres, "Namorados Imprestáveis" é uma viagem pela vida amorosa de Dayna - e todos os seus fantasmas! 

Com uma cota surpreendentemente alta de namorados imprestáveis no currículo, Dayna Harris, 27, no auge das dores do parto, reflete sobre todos os seus ex enquanto uma pergunta dos leitores fica no ar: quem diabos é o pai? 

"Namorados Imprestáveis" é um romance hilário sobre o amor no século XXI, que mostra o quanto uma garota precisa suar antes de encontrar sua alma gêmea. A autora consegue sustentar o mistério sobre a identidade do pai até o final da história, narrada em flashback a partir das primeiras contrações de Dayna na sala de parto. Muitas leitoras vão se identificar com os tipos de namorados descritos, com as furadas em que a protagonista se mete e com os sapos que ela precisa beijar até encontrar seu príncipe.

Escrito por Maria Beaumont, consagrada autora de bestsellers, sob o pseudônimo de Jessie Jones, ela agora anda pensando em dar continuidade ao tema desse romance. Quem sabe não vai escrever Maridos Imprestáveis, Filhos Imprestáveis, Crise de Meia-Idade Imprestável, Asilos Imprestáveis? Vamos aguardar.
© Devaneios Estrellares - 2014. Todos os direitos reservados.
Criado por: Design Divino.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo